quarta-feira, 7 de abril de 2010

TREINAMENTO FUNCIONAL


Para algumas pessoas, realizar atividades do dia a dia, como subir escadas ou agachar, pode não ser tão simples. Para isso, existem os exercícios funcionais, que objetivam aperfeiçoar a coordenação motora e a flexibilidade, desenvolvendo equilíbrio, resistência e velocidade.


O treinamento Funcional é uma preparação física, que tem por objetivo estar conectado à funcionalidade dos movimentos ou atividades. Tem a ver com função, como o nome diz. Se consultarmos o dicionário encontramos as seguintes definições:

* Treinamento: referente ao treino, treinar. Significa tornar apto para determinada tarefa ou atividade.

* Funcional: referente à função ou desempenho desta. Relativo às funções orgânicas vitais ou a sua realização.

Ou seja, o treinamento funcional nada mais é do que é uma sequência de exercícios feitos para que o indivíduo adquira ou recupere valências físicas que diminuem com o passar dos anos e com o sedentarismo. São feitos em pranchas de equilíbrio, bolas, elásticos e outros equipamentos que aumentam a dificuldade dos movimentos e a necessidade de uma coordenação motora bem desenvolvida.



Surgiu como uma nova vertente do treinamento esportivo de alto rendimento, e regido pelos Princípios Básicos de Treinamento, que seriam os da Especificidade, da Progressão, da Variação e da Transferência.

Os exercícios consistem basicamente em agachar, avançar, abaixar, puxar, empurrar, levantar e girar com o objetivo de desenvolver equilíbrio, força, flexibilidade, resistência, coordenação e velocidade.

Estas qualidades são importantes para cumprirmos tarefas normais do cotidiano tais como: amarrar o próprio calçado, levantar da cadeira sem ajuda, agachar para pegar algo no chão sem perder o equilíbrio ou machucar as costas, alcançar objetos no alto, guardados acima da cabeça, sem sentir dor no ombro, caminhar nas ruas com equilíbrio e segurança, subir e descer degraus com mais firmeza nas pernas e principalmente, respirar melhor.


Tarefas aparentemente simples podem se tornar complicadas, causando transtornos porque as musculaturas não estão fortes o bastante para tais movimentos. Estando atrofiadas, algumas rígidas, dificultam a mobilidade e ficam vulneráveis às lesões. O desenvolvimento da força e flexibilidade pode ajudar a evitar problemas no dia-a-dia, tanto em tarefas domésticas quanto no trabalho, além de melhorar a estética corporal.


O Treinamento Funcional possibilita uma preparação para a execução de movimentos mais eficientes (aumento de performance) e a prevenção de lesões, tornando o corpo mais inteligente nesse processo, e fazendo acessível a qualquer indivíduo.


Tomando como referência o livro Exercícios Funcionais, tais exercícios têm como base, tanto prática como teórica, métodos estruturados de outras atividades como pilates, yoga, tai chi chuan, ginástica, facilitação neuromuscular proprioceptiva, etc., tornando-se assim, um método que engloba conceitos sólidos e bem fundamentados.


Os exercícios funcionais não têm como objetivo prevalecer sobre as outras atividades. Eles são mais uma opção de treinamento, uma ferramenta para os programas de exercícios.


Outra consideração importante é que, quando optamos por realizar exercícios funcionais, precisamos ter consciência que os mesmos necessitam de vários cuidados, precauções e orientação por não se tratar de uma atividade que vise puramente a força do músculo de forma isolada mas sim, a harmonia do movimento.


Todo exercíco quando praticado com objetivo de melhorar e manter a saúde física É FUNCIONAL, ou seja, sinônimo de longevidade e bem-estar!


A medicina preventiva é a melhor aliada da sua saúde. Os profissionais aptos para esta orientação são os educadores físicos, os nutricionistas funcionais, os osteopatas, os acupunturistas e os médicos. Em conjunto, eles irão orientá-lo da melhor maneira possível para que você cultive uma qualidade de vida melhor e aposte em um futuro saudável.


Portanto cuide-se permanentemente, sem sobrecargas e exageros, mantendo regularidade em seus exercícios físicos e equilíbrio emocional. Sorria sempre, seja otimista, tenha bom humor e ... mexa-se!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário